fevereiro 16, 2011

Manobra do pizzaiolo - Cirurgia

Cirurgião emprega técnica de pizzaiolo para tratar celulite



Uma técnica cirúrgica conhecida como "manobra do pizzaiolo" promete acabar com até 80% da celulite, segundo o cirurgião plástico Ewaldo Bolivar de Souza Pinto, da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

A técnica, desenvolvida por Bolivar, será apresentada no 12º Simpósio Internacional de Cirurgia Plástica, de 18 a 20 de março, em São Paulo.

A operação é simples: por um furo, o médico coloca um tubo com uma ponta em formato de anel, que desprende a gordura sem aspirá-la.

Feito isso, outro tubo de metal, mais grosso, é passado sobre a pele, como um rolo de macarrão, para uniformizar e redistribuir a gordura. É como abrir uma massa, daí o nome pizzaiolo.

"Não garanto 100% de melhora, mas nenhuma outra técnica é tão eficaz quanto essa", diz o médico.

A celulite é uma lipodistrofia -alteração na camada de gordura que fica sob a pele.

Esse tecido adiposo é "preso" por fibras de colágeno. Quando há um acúmulo de gordura e retenção de líquidos, essas fibras puxam a pele para baixo e deixam a superfície irregular (com uma aparência de acolchoado).

Nos graus iniciais, a celulite não é considerada uma doença. Mas, quando as imperfeições são muitas, pode trazer consequências que vão além das estéticas.

"A retenção de líquidos leva a alterações circulatórias. Isso pode causar dores", afirma a dermatologista Flávia Addor, da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Tecnica

Há poucas técnicas cirúrgicas para tratar celulite. A mais tradicional é a subcisão.

Na subcisão, cada furinho de celulite é eliminado por vez, cortando-se a fibra de colágeno que prende a pele. No lugar, acontece um processo de cicatrização que preenche novamente a área.

"Ainda acho a técnica mais segura, por ser em pequenas áreas, e a cicatrização já faz com que a pele fique uniforme", diz a dermatologista Doris Hexsel, da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica.

Ao contrário da subcisão, na manobra do pizzaiolo as fibras não são cortadas, só descoladas. Isso, diz Bolivar, reduz o risco de hematomas.

Já a lipoaspiração tradicional, que muitos procuram para tratar celulite, não é considerada eficaz, segundo o plástico Mauricio de Maio.

"Não é uma cirurgia para celulite, mas, em alguns pacientes, há uma melhora da pele só de diminuir a quantidade de gordura na região."

Flacidez

Para a dermatologista Meire Gonzaga, professora da Faculdade de Medicina do ABC, a técnica de Bolivar pode causar flacidez. "Não acho seguro fazer o descolamento em áreas maiores do que 20 centímetros."

Segundo Bolivar, não há risco de flacidez, mas a cirurgia é mais indicada para a região das coxas do que para a dos glúteos, que tem menos colágeno e já é mais flácida.

Além disso, é importante manter o peso após a cirurgia para não alterar os resultados. A cicatrização, de acordo com o cirurgião, acontece de 15 a 21 dias.

6Fizeram tchbum

Liliane de Paula disse...

Só eu vendo o antes e o depois.

Luma Rosa disse...

Sou medrosa com tudo que envolva plásticas! :D Ele vai apresentar o trabalho, vamos ver as opiniões dos outros profissionais. Beijus,

Marcélia Macidália disse...

Tenho um medo terrível de cirurgias plásticas. Mas a verdade é que me falta mais dinheiro do que coragem. Quem sabe um dia?
Que cantinho especial esse aqui.
VOltareiu sempre.
Que tal conhecer o Boatos e Afins?
Super beijo


http://www.boatosafins.blogspot.com

http://graceolsson.com/blog disse...

nao, nao, nao..:SOu medrosa e so faco se for obrigatorio e necessário...

Camille disse...

Nunca tinha ouvido falar nisso. Mas acho qe nao teria coragem de me submeter a uma anestesia mesmo que fosdse local com sedaçao para tirar celulite( parece otima a tecnica, o lance é a anestesia mesmo). Vivendo e aprendendo. Impressionante como voce tem a habilidade de escrever sobre diferentes assuntos e tao esclarecidamente, parece que voce é medica. Ou uma excelente reporter.
Um beijo e boa semana,
Cam
ps; voce ouviu a piada da dengue e a barriga? "quando tomar banho enxugue bem a barriga. dizem que o mosquito da dengue tambem se reproduz nos pneus"... horrivel e acho que esta faltando uma parte...

Odele Souza disse...

Acho que não vale a pena expor-se ao perigo com procedimentos tão invasivos.

Postar um comentário